A hidrografia de Palmeira das Missões

                  

Henrique Pereira Lima

A constituição do relevo do município é um fator determinante sobre os cursos d’água da região, pois “[...] esta situada justamente no dorso de um dos divisores de águas entre as vertentes do [rio da] Várzea e do [rio] Guarita.” (SOARES, 2004, p. 19).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Imagem: Topografia da sede do município (em média 600 metros).

Fonte: www.google.com/maps

Esta situação geográfica é marcada pela altitude média do município, que gira em torno de 600 metros acima do nível do mar. Desse modo, o território do município, inclusive da cidade, onde ocorre “[...] a altitude de 634 metros na praça em frente à Igreja Matriz.” (SOARES, 2004, p. 20) (grifo do autor), determina a disposição dos rios da região.

O Rio Grande do Sul esta dividido em três regiões hidrográficas, que se dividem em diversas bacias hidrográficas: Guaíba, Litorânea e Uruguai, a qual os rios que nascem em Palmeira das Missões, ou que em seu curso chegam à região, pertencem.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Imagem: Bacias e sub-bacias hidrográficas do RS

Fonte: http://www.atlassocioeconomico.rs.gov.br

Deste modo, estes cursos d’água tomam direções diversas: alguns correm em direção ao leste/nordeste, até encontrarem o rio da Várzea. Outros tomam a direção oeste, formando a Bacia dos Rios Turvo, Santa Rosa e Santo Cristo. E, por fim, ouros tomam a direção sul/sudoeste, em direção à bacia do rio Ijuí. Contudo, todas estas bacias hidrográficas, compõe a Região Hidrográfica do rio Uruguai, uma vez que os rios mencionados, aí desaguam. Esta região “[...] abrange a porção norte, noroeste e oeste do território sul-rio-grandense, com uma área de aproximadamente 127.031,13 km², equivalente a 47,88% da área do Estado.”. (FEPAM, 2015).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Imagem: Região Hidrográfica do Uruguai.

Fonte: FEPAM (2015).

 

A Região Hidrográfica do Uruguai esta “[...] subdividida em dez unidades hidrográficas: Apuaê-Inhandava (U-10), Passo Fundo (U-20), Turvo-Santa Rosa-Santo Cristo (U-30), Butuí-Piratinim-Icamaquâ (U-40), Ibicuí (U-50), Quarai (U-60), Santa Maria (U-70), Negro (U-80), Ijuí (U-90) e Várzea (U-100)”. (FEPAM, 2015).

 

 

  1. As bacias hidrográficas presentes no território:

 

A Hidrografia do município é expressiva em córregos e sangas. Muitas destas têm suas nascentes dentro da área urbana, como “[...] o Arroio Maria da Silva e a Sanga Passo da Areia. Possui ainda ao longo da zona urbana mais de 20 nascentes.”. (PORTAL dos Convênios do Governo Federal, 2013). 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Imagem: Principais Córregos da cidade de Palmeira das Missões.

Fonte: HERE (2015).

 

O quadro hidrográfico do município conta ainda com “[...] o Rio Macaco [que] fornece água aos [...] munícipes e os Rios do Turvo [,] Fortaleza [,] Passo da Palmeira [,] Passo Grande [,] Guaritinha [,] a Cachoeirinha [...] Barragem do Guarita e o lençol freático do Aquífero Guarani [...]. (PORTAL dos Convênio do Governo Federal, 2013).

Todos estes cursos d’água alimentam três Bacias Hidrográficas da Região Hidrográfica do Rio Uruguai:

 

A Bacia do rio da Várzea, que ocupa a maior parte do território, captando, portando, a agua de inúmeros rios, e córregos da região noroeste, norte, nordeste e sudeste do município.

Bacia Hidrográfica do rio Ijuí, para a qual correm os rios e córregos da região sul e sudeste do município.

Bacia Hidrográfica dos rios Turvo, Santa Rosa e Santo Cristo, para a qual convergem os rios da região sudoeste do município.

 

 

 

 

 

 

 

Imagem: Os municípios da Bacia Hidrográfica do rio da Várzea.

Fonte: FEPAM (2015).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Imagem: Os rios da Bacia Hidrográfica do rio da Várzea

Fonte: FEPAM (2015).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Imagem: Os municípios da Bacia Hidrográfica do rio Ijuí.

Fonte: FEPAM (2015).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Imagem: Os rios da Bacia Hidrográfica do rio Ijuí.

Fonte: FEPAM (2015).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Imagem: Bacia Hidrográfica dos rios Turvo, Santa Rosa e Santo Cristo.

Fonte: FEPAM (2015).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Imagem: Os rios da Bacia Hidrográfica dos rios Turvo, Santa Rosa e Santo Cristo.

Fonte: FEPAM (2015).

 

 

Referências:

 

 

FEPAM - Fundação Estadual de Proteção Ambiental. Região Hidrográfica do Uruguai. Disponível em: http://www.fepam.rs.gov.br/qualidade/regiao_uruguai.asp. Acesso em 07 de agos. de 2015.

 

PORTAL DOS CONVÊNIOS dos Governo Federal. Proposta 1736953. Numero Proposta: 24318/2013. Id: 1736953. Disponível em:< http://api.convenios.gov.br/siconv/dados/proposta/1736953.html#sthash.7odSzXag.dpuf.. Acesso em 07 de ago. de 2015.

 

SOARES, Mozart Pereira. Santo Antônio da Palmeira. 2 ed.- Porto Alegre: AGE, 2004.

 

 

 

Imagens:

 

Imagem: Topografia da sede do município. Disponível em:<: https://www.google.com/maps/@-27.9020105,-53.3165997,14z/data=!5m1!1e4!12b 1?rapsrc=apiv3>. Acesso em 08 de agos. De 2015.

 

 

Imagem: Bacias e sub-bacias hidrográficas do RS. Fonte: Atlas socioeconômico do Rio Grande do Sul. Disponível em:< http://www.atlassocioeconomico.rs.gov.br/ conteudo.asp?cod_menu_filho=802&cod_menu=800&tipo_menu=MEIO&cod_conteudo=1372>. Acesso em 07 de ago. de 2015

 

Imagem: Região Hidrográfica do Uruguai. Fonte: FEPAM. Disponível em: http://www.fepam.rs.gov.br/qualidade/regiao_uruguai.asp. Acesso em 07 de agos. de 2015.

Imagem: Bacia Hidrográfica do rio da Várzea. Fonte: FEPAM: Fundação Estadual de Proteção Ambiental. Disponível em: http://www.fepam.rs.gov.br/qualidade/ bacia_uru_varzea.asp. Acesso em 07 de ago. de 2015.

 

Imagem: Os rios da Bacia Hidrográfica do rio da Várzea. Fonte: FEPAM: Fundação Estadual de Proteção Ambiental. Disponível em: http://www.fepam.rs.gov.br /qualidade/ bacia_uru_varzea.asp. Acesso em 07 de ago. de 2015.

 

Imagem: Os municípios da Bacia Hidrográfica do rio Ijuí. Fonte: FEPAM: Fundação Estadual de Proteção Ambiental. Disponível em: ttp://www.fepam.rs.gov.br /qualidade/bacia_uru_ijui.asp. Acesso em 07 de agos. de 2015.

 

Imagem: Os rios da Bacia Hidrográfica do rio Ijuí.

Fonte: FEPAM: Fundação Estadual de Proteção Ambiental. Disponível em: http://www.fepam.rs.gov.br/qualidade/bacia_uru_ijui.asp. Acesso em 07 de ago. de 2015.

 

Imagem: Bacia Hidrográfica dos rios Turvo, Santa Rosa e Santo Cristo. Fonte: FEPAM: Fundação Estadual de Proteção Ambiental. Disponível em: http://www.fepam.rs.gov.br/qualidade/bacia_uru_turvo.asp. Acesso em 07 de ago. de 2015.

 

Imagem: Os rios da Bacia Hidrográfica dos rios Turvo, Santa Rosa e Santo Cristo. Fonte: FEPAM: Fundação Estadual de Proteção Ambiental. Disponível em: http://www.fepam.rs.gov.br/qualidade/bacia_uru_turvo.asp. Acesso em 07 de ago. de 2015.

 

Imagem: Principais Córregos da cidade de Palmeira das Missões.

Fonte: HERE. Disponível em:< https://www.here.com/?map=-27.92061,-53.30496,15,terrain&msg=Rua%20Sete%20de%20Setembro,%2078>. Acesso em 22 de agos. de 2015.

topografia.bmp
bacia e sub.gif
10 unidades.gif
corregos cidade.bmp
municipios varzea.gif
rios varzea.gif
rios ijui.gif
cidades ijui.gif
turvo rios.gif
turvo cid.gif